A crise econômica provocada pelo coronavírus deve vir com mais força do segundo semestre e diminuir o consumo de massas e biscoitos, o que atingirá a M. Dias Branco (MDIA3), prevê a Guide em relatório enviado a clientes nesta quinta-feira (04).

Gustavo Theodozio, vice-presidente de investimentos e controladoria da M. Dias Branco, afirmou que a companhia espera enfrentar tempos mais difíceis no médio prazo.

Para a corretora, no segundo semestre, com a reabertura gradual dos comércios, a demanda por produtos da empresa pode diminuir em parte, “mas ainda ficarão algumas rotinas que apareceram na quarentena”, afirma.

Novos hábitos

Theodozio diz que alguns hábitos de consumo vieram para ficar.

Ele cita o aumento do hábito de consumo de alimentos online, já que assim as pessoas evitam o contato com outras pessoas em mercados, e o fato das pessoas estarem cozinhando mais em casa.

Disparada do primeiro trimestre

A quarentena fez com que o lucro da companhia disparasse 140,8% no primeiro trimestre de 2020, saindo de R$ 56 milhões para R$ 137 milhões.

Já a receita líquida cresceu 24,3% e chegou a R$ 1,6 bilhão com o crescimento de dois dígitos nos volumes de biscoitos, massas, farinha, margarinas e gorduras.

Fonte: https://www.moneytimes.com.br/crise-economica-deve-diminuir-consumo-de-biscoitos-e-impactar-m-dias-branco-afirma-guide/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui